Cartório de Goiânia já registrou nomes como Cibalena, Antão e Aids
Imagine a dificuldade enfrentada por uma pessoa que se chama Adomervilho ao ter que explicar diariamente seu nome. Ou outra que foi batizada como Antão. Parece brincadeira, mas estes são dois dos vários nomes esquisitos registrados em um cartório de Goiânia. E estes ainda não são os mais diferentes. Segundo o proprietário do local, Antônio do Prado, já houve casos em que os pais deram aos filhos os nomes de Cibalena [nome de um remédio] e até Aids.

O cartorário, que já tem 58 anos de profissão, conta que já presenciou viu muitos nomes esquisitos. Quando o caso é muito sério, ele é obrigado a intervir e passar o assunto para a esfera judicial. "Esses dias veio uma pessoa aqui para registrar o nome de Homi Pereira da Silva. Nós orientamos [a mudá-lo], mas ele insistiu. Aí nós tivemos que suscitar dúvida ao meu superior, que é o juiz da Vara do Registro Público. Ele foi embora para conversar com a mulher e voltou no outro dia para registrar o filho com outro nome", explica.

A atitude de Antônio do Prado está prevista na lei 6.051 desde 1973, que exige que os registros sejam avaliados pelos oficiais dos cartórios para evitar nomes considerados esdrúxulos e que possam expor a pessoa em questão ao ridículo. Porém, o assunto veio à tona após recomendação do Ministério Público do Estado de Goiás (MP-GO) para que as análises passem do campo teórico para o prático.
Nomes esquisitos
Antônio do Prado afirma que nomes considerados esdrúxulos eram comuns há muito tempo. "Antão, Hac Chelen, Hachem Hido, Adomervilho", lê o cartorário uma lista com alguns dos nomes mais esquisitos. Em alguns casos mais extremos, como Cibalena e Aids, os registros já foram retificados e trocados para não constranger quem foi batizado com eles.
Atualmente, segundo o dono do cartório, a maioria das pessoas busca pela simplicidade. Tanto que os cinco nomes mais registrados em Goiás são comuns: Isabelle (quatro registros por dia), Manuella (três), Julia (três), Davi (três) e João Pedro (três).

Fonte: Globo.com
 
____________________________________________________________________

Rua Coronel Luis da Cunha, 669
Vila Tibério - Cep 14.050-040
Ribeirão Preto - S.P.
Fone: 16 - 3625.1050 / 3625.9358
E-mail: comercial@2cartoriorp.com.br


www.2cartoriorp.com.br
2021/11/29 | 11:59:34

IMPRIMIR